Sobre o Evento

Kampfest é um evento de LARP que acontece no final do mês de abril em Porto Algre RS. É um acampamento de 3 dias onde teremos uma cidade medieval viva e aventuras para explorar nas redondezas. Pegue sua espada e venha!

LARP (Live Action Role Play), uma mistura entre jogos de RPG e teatro de improviso. Nele, cada jogador interpreta um personagem vivendo neste mundo fantástico. As regras são extremamente simples e pessoas de todas as idades podem participar.

Neste evento usaremos o swordplay para os conflitos, utilizando espadas de espuma (conhecidas como Boffers) para segurança.

O foco principal do evento é a imersão. Se sentir em um vilarejo medieval, falar com seus habitantes, interagir com os aventureiros na taverna e descobrir masmorras perdidas nas florestas. Tudo isso em um espaço preparado especialmente para isso. A aventura aguarda em Verloren!

Data e Local

O Kampfest acontecerá nos dias 21 e 22 de Abril de 2018 (pegando o feriado de Tiradentes) em Porto Alegre RS. O sítio fica há 40 km do centro da cidade e é de fácil acesso.

O ingresso inclui o transporte (ônibus que sairá do centro de Porto Alegre) e acesso ao sítio exclusivo para o jogo. Não inclui alimentação.

É impressindível levar barraca para dormir e roupas medievais. Não será permitido bebidas alcoólicas dentro do acampamento ou das áreas de jogo. Menores de idade deverão ir acompanhados com um adulto responsável.


Ingressos esgotados!

Cenário

No grande continente se encontra o Reino de Brenn. Um poderoso império erguido depois de séculos de luta. Ele é constituído pelas três grandes regiões: Brenn, Nasgard e Alfion. Os três povos, agora unido sob uma mesma bandeira, trabalham e prosperam em suas terras. Infelizmente, a paz trouxe consigo problemas ainda piores que a guerra. Pestes devastam os campos, tornando difícil a vida rural. O aumento da população e das zonas urbanas, fazem doenças se espalharem rapidamente. A criminalidade aumenta e atinge até mesmo Branden, a capital do reino de Brenn. O grande continente mergulha em uma era nebulosa e sombria.

Verloren é o continente menor e possui pouco contato com a civilização. Devido a distância do reino de Brenn, os poucos vilarejos são praticamente independentes e governadas pelas guildas locais. O resto do continente é perigoso e repleto de monstros. Há poucas criaturas nativas amistosas e em geral são selvagens. Não é um bom local para se viver, mesmo com o reino como está. Porém, as recentes descobertas mudaram este quadro. Histórias de ruínas perdidas cobertas por ouro e artefatos mágicos se espalharam pelo reino. Trazendo exploradores, interesseiros e estudiosos para o esquecido continente de Verloren.

Bem vindo ao seu novo lar!

Escolha uma Nação

Regras do Larp:

Perguntas Frequentes

Como funcionará o espaço físico do Kampfest?

O espaço indicado para o acampamento, incluindo os banheiros, será considerado área “OFF” durante todo o evento – ou seja, nada da história acontecerá nestes espaços, e interações entre jogadores nestes espaços não serão considerados para efeitos de jogo.

Também haverá duas áreas, indicada pelos moderadores e de fácil localização, que serão consideradas “áreas ON”. Estas áreas serão a Cidade e a Floresta, e enquanto estiver dentro destas áreas, todos os jogadores devem interpretar seus personagens O TEMPO TODO. Caso haja necessidade de qualquer interação ou assunto que não seja do âmbito do jogo, isto deve acontecer fora destas áreas, e preferencialmente nas áreas OFF (como o acampamento).

Haverá eventos específicos em horários específicos? Qual o cronograma do Kampfest?

O início do primeiro dia (sabado 21/04) será reservado para a instalação dos jogadores e montagem do acampamento e reconhecimento do local. A partir das 14h estará aberta a área ON que ficará aberta até as 3h da madrugada.

O segundo dia (domingo 22/04) será dedicado a confraternização entre os jogadores, sem programação fixa, mas que pode incluir trollball, tag de arqueiria, torneio de duelos, ou o que mais a organização ou os próprios jogadores quiserem fazer! É o momento para relaxar e contar suas histórias de Verloren.

Aqueles que forem de carro, poderão vir um dia antes (sexta 20/04) a partir das 16h para montar acampamento.

Aqueles que forem no ônibus, na ida ele sairá da rodoviária as 9h do dia 21/04 e na volta ele sairá do sítio às 17h do dia 22/04.

E o meu personagem? Eu mesmo faço, ou haverá personagens prontos?

Como em um jogo clássico de interpretação estilo RPG, cada jogador é responsável por fazer seu próprio personagem. No site do Kampfest você encontra as histórias do cenário, com as origens das 4 opções de raças, e dicas de caracterização e suas principais motivações ou objetivos (que é algo muito importante). Lá você também encontrará o livreto de regras do LARP, com as habilidades disponíveis para criar seu personagem, dicas de interpretação, instruções e regras de combate, e como se portar de maneira geral.

Ao comprar seu ingresso para o evento, um e-mail com a confirmação e um código de acesso será enviado. Com este código, você deverá entrar no site do Kampfest, preencher seus dados e criar seu personagem! Não deixe de fazer isto, pois sem personagem você não poderá jogar!

Uma vez tendo feito seu personagem, e tendo sua origem e motivações em mente, você só precisa se caracterizar, entrar em uma área ON e interpretá-lo! O resto acontecerá naturalmente, conforme as interações entre os jogadores forem acontecendo, ou novas aventuras forem iniciadas.

E as aventuras? Como elas acontecerão durante o evento?

O principal objetivo do evento é o desenrolar da interação entre os personagens, como uma espécie de teatro improvisado. A interpretação de cada jogador é o ponto alto do jogo. Mesmo assim, como forma de complementar esta interpretação, serão “infiltrados” entre os personagens alguns “NPCs” – personagens especiais interpretados pelos mediadores ou por jogadores por eles encarregados – que poderão dar início a uma variada gama de situações para incrementar e enriquecer a experiência dos jogadores.

Estes NPCs não serão expressamente identificados, estarão entre os personagens normais e devem ser abordados da mesma forma como a qualquer outro personagem. Apenas a interação com a devida interpretação de seu personagem poderá fazer com que as situações específicas sejam ativadas – que pode ser desde a venda de itens, oferta de algum serviço, à interpretação de um combate ou até mesmo a convocação para uma aventura!

E no final, quem vence?

Todos, e ninguém. Todos se divertem. “Vencer” não é o objetivo de jogos de interpretação em geral, e não é diferente no LARP – o objetivo é fazer parte e se divertir. É claro que em alguns momentos você vai sair com a sensação de ter atingido um objetivo, de ter conseguido algo, mas em outros momentos isto pode não acontecer – o que não significa que você “ganhou” ou “perdeu” de forma alguma. Neste sentido, atingir um objetivo pode ser convencer outro personagem de uma história que o seu personagem está contando, ou fazer alguém acreditar que o seu ladino na verdade é um grande nobre, ou convencer alguém de comprar um item que você está vendendo, ou ainda conseguir com que outros personagens confiem em você.

O jogo, como um todo, é planejado para que haja desafios constantes, com chance de falha e derrota – sem o qual não há a recompensa da pequena vitória, de atingir um objetivo, de suceder ao tentar algo. E é graças a esta constante possibilidade de falha que, além dos momentos de glória, os momentos de “derrota” se tornam épicos e verdadeiramente memoráveis! Algumas das cenas mais lembradas (senão AS mais lembradas) de jogos anteriores envolvem personagens levando a pior – sendo derrotados em combate, perdendo suas posições de importância, e até morrendo!

Ao fim e ao cabo, mais do que em qualquer outro jogo, a maneira como você interpreta seu personagem e o quanto você se diverte são fatores muito mais importantes do que quem se dá melhor ou pior que o seu personagem.

Preciso de experiência? E se eu não conhecer ninguém lá? E se eu for tímido?

Não se preocupe. Muitos dos jogadores já tiveram alguma experiência com RPGs eletrônicos ou de mesa, mas muitos outros não. Várias atividades na vida real são excelentes para preparar você para interpretar em um LARP. Se em algum momento você sonha acordado sobre ser outra pessoa, ou sobre estar em outro mundo ou universo, você já tem a experiência de que precisa! Além disso, os organizadores planejam o cenário e as histórias de modo a encorajar que os jogadores mais experientes incentivem os novatos.

Você provavelmente tem habilidades que outras pessoas não tem e podem precisar, e os outros vão lhe pedir ajuda – não só porque são legais (e eles são!), mas porque realmente precisam da sua ajuda.

Os jogadores não são um bando de lunáticos ou nerds imaturos, são pessoas comuns de todos os tipos e estilos de vida que simplesmente gostam de usar sua imaginação e de dividir experiências ao vivo com os outros. Nosso LARP conta com todo tipo de gente, como advogados, servidores públicos, designers, fotógrafos, profissionais de TI, artistas plásticos, artistas gráficos, dançarinos, jornalistas, mães, pais... O que você imaginar! Os jogos de interpretação ao vivo como o LARP envolvem uma boa dose de socialização, e são uma ótima maneira de fazer amigos!

Você também pode se juntar com seus amigos e formar uma Guilda. É importante, no entanto, entrar em contato com a organização com antecedência, pois sua criação depende do OK dos organizadores.

Não tenho caracterização, equipamentos, nem armas! Como faço?

Não se desespere, você tem várias opções.

Primeiro, é importante verificar as indicações de caracterização das quatro opções de raça do cenário, pois cada raça tem características de vestimenta diferente das outras, enquadradas em um estereótipo histórico de fácil reconhecimento (Celta, Viking, Bizantino e Medieval “clássico”).

Feito isso, há um sem número de tutoriais para caracterização pela internet, desde guias para fazer túnicas e tabardas com uma única peça de tecido sem sequer precisar costurar, até intrincados tutoriais para fazer sapatos temáticos específicos em couro costurados à mão. A complexidade do seu figurino depende apenas de você – a única exigência é a caracterização mínima dentro do tema, e respeitando o arquétipo de sua raça e características das habilidades de seu personagem.

Além disso, dicas e experiências são sempre trocadas, e dúvidas respondidas, nos grupos de discussão do Kampfest, Verloren, Bellator e Kaldjorn no Facebook. Faça uma visita e se inspire!

Em relação às armas, o assunto é um pouco mais delicado, mas nem por isso impossível. Mais delicado pela necessidade de segurança – a característica mais importante da arma – mantendo o aspecto imersivo (ou seja, parecendo uma arma medieval). No caso das armas, diferentemente da vestimenta, a imaginação NÃO é o limite: há uma tabela restritiva de armas no livreto de regras do Kampfest, e as suas armas deverão, necessariamente, estar enquadradas em uma das categorias – senão, não será permitida para uso, e você acabará tendo que deixar a arma exótica que fez com tanto carinho guardada na barraca o evento todo.

Todas as armas novas que forem levadas para o Kampfest deverão passar pela inspeção do nosso mestre armeiro para que seja testada nestes três quesitos, em ordem de importância: segurança, enquadramento nas regras, e caracterização. Se não passar em qualquer um destes critérios, não poderá ser levada para as áreas ON do evento.

Parece complicado? Não é! Igualmente, existem vários tutoriais na internet que mostram como fazer uma arma caseira para LARP, indicados especialmente os tutoriais do grupo Bellator – que, se seguidos à risca, respeitam todas as regras de segurança e caracterização do Kampfest. Em ultimo caso, se sua arma nao for aprovada e voce nao tiver outra, a organizacao pode lhe emprestar uma. Seu personagem também não precisará ter armas se assim quiser.